sábado, outubro 27, 2007

Direitos humanos: a teoria do poder com mais difusão no princípio do séc. XXI

Vamos ver o poder prático deste poder teórico dos Direitos Humanos.
Os sinais da Rússia e da China não são só para "inglês" ver, será para a Europa ver - e comprar, e se tornar parceira, defensora e ainda se tornar simbolicamente mais representativa da defesa das liberdades no mundo do que os EUA. Ora o que ganham os povos chineses e russos em especial com isso, e todos os outros em geral, é o que iremos ver. E também até onde está disposta a Europa a ir na defesa das liberdades.
Mas que a difusão está a funcionar, lá isso está.

A Rússia ontem:

"A Cimeira União Europeia-Rússia terminou com boas intenções das duas partes. A Rússia propôs e a União aceitou: criar um instituto de promoção e acompanhamento dos direitos humanos e da democracia entre as duas potências. Os pormenores – disseram – só para mais tarde.", Primeiro de Janeiro


A China há quatro dias atrás:

"O governo chinês disse hoje estar empenhado na continuação do Diálogo União Europeia (EU)-China sobre Direitos Humanos, pouco dias depois da presidência portuguesa da União ter criticado Pequim sobre o tratamento que a China dá aos direitos fundamentais.

«Com base na igualdade e no princípio do respeito mútuo, poderemos continuar a promover o diálogo dobre Direitos Humanos», disse Liu Jianchao, porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, reagindo às críticas europeias.
Liu Jianchao, que falava em conferência de imprensa de rotina, classificou também como «útil», o diálogo bilateral sobre o tema." Portugal Diário

1 comentário:

SAM disse...

Caro colega bloguer,

O dia 10 de Dezembro é o Dia Internacional dedicado ao tema dos Direitos Humanos.

Depois de uma pequena procura no google, encontrei o seu blog e gostaria de lhe convidar a ser uma parte central desse empreendimento, para que todos possamos deixar a nossa marca nesse dia e, juntos, demonstrar a todos que somos Um mundo, Uma vida.

Acredito que cada um de nós, seres humanos conscientes, teremos as nossas preocupações, mais ou menos específicas, e, por isso mesmo, deveremos tentar, juntos, deixar uma marca.

Por isso, convido-lhe a ir a www.fenixadeternum.blogspot.com e ver como poderá participar dessa rede cujo que se mantém por uma única causa: a causa do Género Humano, a causa dos Direitos Humanos.

Obrigado,
Sam