segunda-feira, setembro 22, 2008

O seu voto, não obrigada, em nome de...cidadania partidária.

José Pimentel Teixeira chamou-me a atenção para este assunto do qual eu andava completamente distraída: a alteração da lei eleitoral, desta feita para pôr fim aos votos dos emigrantes.
Numa Europa sem fronteiras à qual pertence Portugal, não há como pôr mais este travão à participação na política nacional dos cidadãos portugueses a trabalharem no exterior, é com certeza com boas intenções, é a mentalidade do poder português: a que se pode denominar de "a cerca" intelectual. Um filme que já vimos diversas vezes antes e que tem novo remake, desta feita com o partido socialista na cabeça de cartaz.
Viva a democracia participativa!

2 comentários:

Diogo Bueno disse...

Olá!

O que me trouxe até seu blog foi a "cidadania partidária", mas ao ler o post não encontrei grande debate sobre o tema. Terias alguma idéia sobre o assunto que poderia me apresentar?

Desde já agradeço a atenção.

Isabel Salema Morgado disse...

Como está?

Uma pista para a sua investigação: procure saber se os partidos apoiam lei eleitorais que sejam inclusivas ou exclusivas relativamente a quaisquer cidadãos, e depois conclua a favor ou contra a ideia de clientelismo nos partidos políticos versus a ideia de uma preocupação com o apoio e colaboração de bases.
Cumprimentos,

isabel